APAE Batatais divulga números de atendimentos na área da Saúde em 2018


A APAE divulgou os números de atendimentos realizados na área da Saúde no ano de 2018. Ao todo, 3.337 pessoas foram atendidas pelo serviço, que é prestado de forma gratuita à comunidade de Batatais e também da região. Quando o assunto é o número de procedimentos realizados, o saldo é de 48.875.

A área, que existe há mais de 40 anos, possui dois grandes serviços – o ‘Serviço de Prevenção às Deficiências’ e o ‘Centro Especializado em Reabilitação’ (CER III) – que têm como objetivos prevenir deficiências e proteger a saúde da pessoa com deficiência; reabilitá-la em sua capacidade funcional e desempenho humano, e prevenir agravos que determinem o aparecimento de novos diagnósticos, respectivamente.

De acordo com a coordenadora da área, Patrícia Lopes, o serviço de Saúde da APAE Batatais contribui com a promoção da qualidade de vida das pessoas atendidas. “Oferecemos aqui assistência integral às pessoas com deficiência, que compreende ações de prevenção e serviços de habilitação, reabilitação e manutenção”, explica a coordenadora.

Do total de pessoas atendidas em 2018, 1.132 tinham idades entre 0 e 5 anos e 11 meses; 950 com idades entre 6 e 11 meses; 114 na fase de 12 a 17 anos e 11 meses; 158 possuíam idades entre 18 e 29 anos e 11 meses; 382 atendidos tinham entre 30 e 59 anos e 11 meses; e 601 pessoas assistidas tinham idade acima de 60 anos. Dessas pessoas atendidas (algumas em mais de uma modalidade de reabilitação), 1.375 foram na modalidade auditiva; 521 na modalidade física; 525 na modalidade intelectual e 1.523 no Serviço de Prevenção.

A maioria das pessoas atendidas pela Saúde da APAE era do município, 3.095; seguida por Brodowski, 103; Altinópolis, 83; e Santo Antônio da Alegria com 35 atendidos. A cidade de Cajuru teve 8 pessoas atendidas; Cássia dos Coqueiros, 4; e Santa Cruz da Esperança, 5. Cravinhos, Jardinópolis, Ribeirão Preto e Serra Azul tiveram, cada uma, apenas 1 pessoa atendida. Dos 48.875 procedimentos realizados, 644 foram em assistência social; 1.899 feitos por auxiliares de enfermagem; 4.072 foram na área de enfermagem; 6.614 em fisioterapia; 8.822 em fonoaudiologia; 749 em genética; 1.957 em neurologia; 1.260 na área de nutrição; 171 em odontologia; 17 em ortopedia; 5.390 em psicologia; 1.027 em psiquiatria; 8.801 atendimentos de técnicos de enfermagem; 4.463 em terapia ocupacional e 1.200 triagens no Serviço de Prevenção.

Segundo a coordenadora, os atendimentos são mantidos com verbas públicas federais e municipais e também recursos próprios. A APAE recebe do governo federal o montante de R$ 201 mil, por mês, desde 2015, para manutenção do CER III, que atende não só Batatais, mas também a demanda dos demais municípios que compõem o Vale das Cachoeiras (Altinópolis, Brodowski, Cajuru, Cássia dos Coqueiros, Santa Cruz da Esperança e Santo da Antônio da Alegria).

Somado a esse montante, existe o valor referente ao repasse municipal do Sistema Único de Saúde (SUS). Até janeiro de 2019, 29 parcelas estavam em atraso (desde agosto de 2015), sendo: R$ 48 mil mensais até dezembro de 2017 e R$ 30 mil, por mês, até dezembro de 2018. “No momento estamos aguardando um posicionamento do poder executivo do município quanto à definição dos serviços a serem contratados e os respectivos valores com cronograma de pagamentos para o exercício de 2019”, finaliza Patrícia.

SAIBA COMO AJUDAR:


DOAÇÃO FAÇA MAIS

GOSTARIA DE SABER MAIS SOBRE A APAE BATATAIS ?
LIGUE PARA GENTE: (16) 3661-6000

Facebook APAE Batatais Twitter APAE Batatais Twitter APAE Batatais Twitter APAE Batatais

© Copyright 2018 APAE Batatais - Todos os direitos reservados